terça-feira, 10 de agosto de 2010

Integral ou desnatado? Que crente eu sou?

Este final de semana organizamos um congresso de jovens e adolescentes onde Deus nos ministrou sua palavra de forma muito especial.
Percebemos que apesar de toda a dificuldade de organização Deus tinha mais para nossas vidas e pessoas foram transformadas.
Perseverança e saber quem eu sou e pra que eu existo nos fez entender como seguir um vida integral diante de Jesus Cristo, o pastor Sergio da Memorial Church estava sendo usado de forma muito especial!
O louvor ministrado pelo Ministério Santificai foi algo tremendo e edificador!
As fotos estão em nosso orkut:

sexta-feira, 23 de julho de 2010

terça-feira, 13 de julho de 2010

AGENDA DO CONGRESSO

AGENDA DO CONGRESSO


Sexta

Saída: 16:00h – PIB Rio Bonito para Arraial! Vai ser uma Benção!

Abertura do Conjubanobe 2010:

20:00h – Boas Vindas - Bruno Brum – Presidente Jubanobe

Louvor e Adoração Ministério Santificai

Ministração Bruna – Ex-participante do BBB

22:00h – Jantar hora de alimentar! Hora do bom macarrão com… Aguarde‼‼‼

00:00h – E galera chegou a hora de irmos dormir! Descanse o sábado será intenso e maravilhoso e alegre na presença de Deus! Boa Noite!



Sábado

07:00h – Levantar pessoal! Bom Dia e a paz de Jesus esteja com cada um de Nós!

08:00h – Café da Manhã – Usufrua deste momento de Comunhão e Adoração!

09:30h – Celebração! Adore ao Senhor Jesus que nos permite ser Jovens integrais em Seu Reino‼‼‼‼‼‼

Abertura - Bruno Brum – Presidente Jubanobe

Louvor e Adoração Ministério Santificai

Participações mais que Especiais

Louvor e Adoração Ministério Santificai

Ministração Pr. Luiz Sergio – IB Memorial de S. Jardim

12:00h – Almoço! Hora de comunhão! Que delícia!
18:30h – Vem tomar banho! Prepare-se para se divertir!


20:00h – Jantar! Até que fim, pensei que nunca chegaria esta hora!

21:00h – Louvor, Adoração e Palavra de Deus para sua Vida!

Abertura - Bruno Brum – Presidente Jubanobe

Louvor e Adoração Ministério Santificai

Participações mais que Especiais

Louvor e Adoração Ministério Santificai

Ministração Pr. Luiz Sergio – IB Memorial de S. Jardim

23:00h às 02:00h – Festa Lual no Hawai – Pule, Dance, Alegre-se‼‼!



Domingo

07:00h – Levantar pessoal! Bom Dia e a paz de Jesus esteja com cada um de Nós!

08:00h – Café da Manhã – Usufrua deste momento de Comunhão e Adoração!

09:00h – Celebração! Adore ao Senhor Jesus que nos permite ser Jovens integrais em Seu Reino‼‼‼‼‼‼

Abertura - Bruno Brum – Presidente Jubanobe

Louvor e Adoração Ministério Santificai

Participações mais que Especiais

Louvor e Adoração Ministério Santificai

Ministração Pr. Levi

11:00h – Almoço! Hora de comunhão! Que delícia!

13:00h – Retorno – Arraial para PIB de Rio Bonito – Abençoe ao seu amigo com as benção do congresso!

Nos Adicionem!


No Orkut

http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=9277117999193951064&rl=t

No twitter

http://twitter.com/jubanovabetel

No google talk

juba.novabetel@gmail.com

No MSN

Juba.novabetel@hotmail.com – bcbgt@hotmail.com – Bruno Brum

E acesse nosso Blog

www.jubanobe.blogspot.com

Fiquem na Paz e até o próximo Retirão da Jubanobe em Novembro Aguarde!

Equipe Jubanobe - Juventude Batista Nova Betel

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Sentado debaixo da mangueira, de uma enorme mangueira.

Ouvimos todos os dias que precisamos criar um desenvolvimento sustentável para o mundo em que vivemos. Fazer parte de ações globais onde meio ambiente, ação social, educação preventiva e outras coisas são muito bem ensinadas e de suma importância.

Enxergo todas as possibilidades de educação, válidas e muito importantes e quando bem feitas atraem muitas pessoas.

Olhando para o contexto eclesiástico evangélico insisto em afirmar que toda a mobilização é válida em função das várias áreas de atuação da igreja. Mas em particular na questão de educação ambiental, precisamos orientar a todos e de forma séria e muito prática para tomadas conscientização e de ações ambientais. Mas quero focalizar que nossas crianças devem receber uma atenção especial por parte de toda liderança (pastoral, musical e educacional), pois com certeza estes poderão fazer diferença tanto no cuidado do planeta como usar este mesmo cuidado para evangelização.

Devemos usar a multiforme sabedoria de Deus para alcançar objetivos espirituais, mas também sociais e aproveitarmos todo o incentivo que nossa sociedade da para este tipo de ação.

Concluo transcrevendo um trecho de uma musica do canal Discovery Kids onde é cantado: “sentado debaixo da mangueira, de uma enorme mangueira; sentado parei pra pensar que das árvores nos temos que cuidar” a palavra árvore é trocada por animais, pássaros e inúmeras coisas que precisamos cuidar, mas o interessante é que nunca se canta que do ser humano nos temos que cuidar. Que isso sirva de alerta para nossas famílias e igrejas atentarem para que nossas crianças aprendam a cuidar do meio ambiente onde se vive mas também do ser humano que vive neste meio.

Sem. Bruno Brum
Presidente Jubanobe
Membro da I. B. Praça Cruzeiro - Rio Bonito - RJ

terça-feira, 6 de julho de 2010

O educar para transformar, nos muda a ensinar?

“Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver”. 2ª Tm 3.16 (NTLH)


Ser desafiado em qualquer área de nossa vida nos leva a refletir e tentar melhorar ao menos no aspecto apresentado pelo desafio. Isto nos levará a um envolvimento em busca de respostas que possivelmente solucionarão, num todo ou em parte, este desafio. O que nos é apresentado: como tratar o ser num todo, tratamento integral de sua vida? Como tratar este indivíduo salientando, por exemplo, seu aspecto emocional em detrimento da sociedade na qual ele está inserido, interrelacionando-se com outros indivíduos, que devem ser tratados da mesma forma e com o mesmo comprometimento, e educar emocionalmente estes seres? Focando este educar na área religiosa, que tem como objetivo orientar este indivíduo, convertido a Jesus no desenvolvimento de sua vida espiritual em busca da estatura do varão perfeito, nos preocupamos em saber se a igreja tem tratado este mesmo individuo num todo, integralmente, para que ele possa verdadeiramente, após sua transformação, refletir a Cristo e poder cumprir sua missão, que é pregar o evangelho, eficientemente.

A quebra de paradigma é inevitavelmente necessária, pois olhar para educação apenas como meio de “encher” o indivíduo de conhecimento, não nos leva a um caminho de coerência no ensino. Partindo desta premissa, os educadores cristãos precisam não mais “encher” de conhecimento seus discípulos e sim corporificar seus ensinos, mostrando aos seus que testemunhar é o caminho a ser seguido. “A prática educativa em si deve ser um testemunho rigoroso de decência e de pureza, já que nela há uma característica fundamentalmente humana: o caráter formador. Por isso o professor deve se utilizar a corporeificação das palavras como exemplo. (FREIRE, 2003 p.29 – grifos do autor do artigo). Este conceito nos leva a não tomar mais atitudes farisaicas diante dos nossos educando, ou discípulos, e sim praticar o que falamos. Indubitavelmente está atitude requer uma quebra de conceitos, portanto humildade é o sentimento e a ação fundamental nesse processo de reflexão e nova direção da educação cristã.

A igreja é um corpo social onde pessoas se relacionam tentando criar uma comunidade de adoração, comunhão e serviço onde todos possam usufruir deste modo de convivência. A educação cristã está diretamente relaciona a igreja, e esta educação segue alguns princípios em sua execução, que são: o ensino da Bíblia que gera transformação de conduta nos tornando serem que buscam o caráter do criador para que possamos nos tornar delícias do criador (João Amós Comenius). Sabendo que este corpo tem a finalidade de nos aproximar do Criador (DEUS), por muitas vezes esta falta de visão tem atrapalhado a integralidade deste corpo proporcionando criando uma falta de responsabilidade e comprometimento por partes das pessoas que juntas fazem parte deste corpo.

A busca por um equilíbrio também deve ser uma busca constante tanto para a igreja quanto para a família que á célula desta igreja. Considerando que as igrejas cristãs são formadas por famílias em sua maioria, devemos ter prioridades estabelecidas a respeito de ensinos bem específicos para estas células que são a base da igreja e também de toda a sociedade. Os educadores (líderes cristãos) devem buscar com muito afinco a especialização nesta área tão peculiar da sociedade. Observamos que por não ensinarmos para a transformação, tanto da igreja, família e o indivíduo, erramos na terceirização do ensino. A Educação e desviada da responsabilidade para outros meios. Um jargão muito conhecido é que adote seu filho antes que o traficante o adote isto serve para mais do que apenas a questão das drogas, perceba que as famílias têm colocado suas responsabilidades em cima da escola e da própria igreja, os papéis estabelecidos há muito tempo tem sido corrompidos pelo tempo cada vez mais curto. O equilíbrio precisa ser novamente encontrado. Trabalho, educação, conversas sentados à mesa precisam ser equacionadas para que realmente o porto seguro seja restabelecido em nossa sociedade cada dia mais “conhecedor”, mais ao mesmo tempo mais destrutivo e sufocante. O educar para transformar, nos muda a ensinar.


Bruno da Costa Brum – Seminarista da Igreja Batista da Praça Cruzeiro, formando em teologia no STBN.